Calendário de Eventos
 

 
 
 

GOVERNO FEDERAL CRIARÁ NOVOS ABRIGOS PARA DEPENDENTES DE CRACK


Jornal O DIA ON LINE – 11/01/2012

 
Reportagem de EDSON ALVES
 
 
Rio - Primeiro estado do País a ser contemplado com o Plano Nacional de Enfrentamento ao Uso do Crack, do Governo Federal, o Rio deve criar em breve mais quatro abrigos para crianças e adultos dependentes da droga. Ao todo, segundo o secretário municipal de Assistência Social, Rodrigo Bethlem, serão disponibilizados pelo menos mais 80 leitos para casos emergenciais. Nesta quarta-feira, são 160 vagas só para crianças e adolescentes, em cinco unidades.

 
A União já disponibilizou R$ 4 bilhões para o programa em todo o Brasil, mas, de acordo com o Ministério da Justiça, ainda aguarda levantamentos de custos para saber quanto cada município que enfrenta o problema necessitará. Serão feitos convênios com hospitais, clínicas e ONGs dedicadas à prevenção.
 
 
“Também serão instituídas imediatamente mais 14 equipes de acompanhamento a usuários, que deixarem abrigos e hospitais, e familiares. Em conjunto com a Secretaria Municipal de Saúde, serão abertos ainda consultórios de ruas”, adiantou o secretário Rodrigo Bethlem.
 
 
A articulação entre os governos federal, estadual e municipal, além da participação da sociedade civil, prevê ainda ações conjuntas de combate ao tráfico e a organizações criminosas. Atividades de prevenção serão ampliadas.
 
 
O Rio foi escolhido para implementar primeiramente o plano por causa das ações conjuntas entre as polícias Civil e Militar, e órgãos de saúde e assistência social do estado e município, que vêm sendo desencadeadas desde o ano passado.
 
 

 

 
A delegada Valéria Aragão, que troca hoje a titularidade da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescentes pela Delegacia de Combate às Drogas (Dcod), ficará à frente das ações no âmbito da segurança do Plano de Enfrentamento. Ela estima que, até junho, a iniciativa estará funcionando:
 
 
“Vamos priorizar atuações de inteligentes entre as polícias Civil, Militar e Federal, para prender os grandes traficantes. Não se pode dar o mesmo tratamento a bandidos e usuários de crack”.
 
 
Em 2011, 3.195 usuários de crack foram retirados de cracolândias nas zonas Norte, Oeste e Sul, e levados para abrigos.
 

 

 

PROJETO VIDA URGENTE
Rua Vanísia, 60 (Rua do Posto de Saúde) - Santa Cruz da Serra
Duque de Caxias - RJ

Telefones: (21) 2679-2648 / (21) 7138-0767 / (21) 7855-9648

REUNIÕES DE AJUDA PARA DEPENDENTES QUÍMICOS E FAMÍLIAS
Todos os sábados, às 19 horas